Prevenção da alergia alimentar


Aos 6 meses, chega aquela vontade de começar com alimentos novos para o bebê. Essa introdução deve ser cautelosa de forma prevenir a alergia alimentar. Esta alergia pode causar uma infinidade de problemas que variam de eczemas (lesões na pele) a reações alérgicas sistêmicas (urticária, rosto inchado...), até mesmo causando riscos à vida da criança.

A principal estratégia para evitar as alergias alimentares é retardar a exposição a alimentos e líquidos potencialmente alergênicos. A precaução justifica-se em razão de os bebês menores apresentarem maior probabilidade de tornarem-se alérgicos a alimentos dos que as crianças maiores.

As mães devem alimentar com leite materno seus bebês no mínimo por 4 a 6 meses, na medida do possível. O leite materno tem menor probabilidade de produzir reações alérgicas e pode reforçar o sistema imunológico da criança.

Os bebês que não são alimentados com o leite materno, e, adicionalmente, se enquadram em risco maior para alergias por história familiar positiva, devem ser alimentados com fórmulas específicas de hidrolisado de proteína conforme a orientação do pediatra.

Deve-se evitar introduzir os alimentos sólidos antes dos seis meses de idade, sobretudo avaliando a história familiar para alergias. Após esta idade pode-se começar a oferecer uma dieta com verduras, arroz, carne e frutas.

A adaptação de alimentos complementares deve priorizar um alimento novo por vez, de modo a permitir identificar a origem de eventuais manifestações alérgicas. O ideal sempre é consultar o pediatra sobre as opções alimentares oferecidas em cada idade.


Posts Destacados
Procure por Tags
Nenhum tag.
  • YouTube - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
  • Facebook Black Round

Conversando com os pais

Av. Protasio Alves, 2715 SL 1101

Porto Alegre / RS

Tel: (51) 3334-0296

zepaulo1963@gmail.com